Seguir por e-mail

Sobre

Bem-vindo ao site do treinamento da IMO do Brasil! Esse site contém informações sobre o treinamento, como listas, datas de provas e materiais de estudo.

Quem pode participar do processo seletivo?

Premiados da OBM do ano anterior no nível 3 e medalhistas de ouro do nível 2. Outros premiados do ano anterior também podem participar, desde que declarem interesse.
Além disso, deve-se satisfazer às condições da IMO: não estar na faculdade e ter nascido menos de 20 anos antes do segundo dia de prova da IMO.

Como funciona o processo seletivo?

São levados em consideração o desempenho na OBM, em listas de problemas (que são postadas aqui no blog!) e nas provas de seleção (alguém vai entrar em contato com você, e em fevereiro as datas são divulgadas).

Como é a prova da IMO?

Você pode ver as provas anteriores no site da OBM. Mas o que podemos dizer é que são provas com demonstrações. Três problemas em 4h30min, ou seja, problemas difíceis!

Como estudar?

Olhe na direita do blog! Tem um montão de material de estudo, com PDFs com aulas teóricas, listas antigas, provas de seleção antigas e links! (Divirta-se!)
Uma lista de assuntos e orientações? Clique aqui!

Como saber as últimas novidades?

Está vendo a caixinha acima, com um botão Submit? Coloque seu email que você recebe uma notificação quando postarmos algo (como listas, por exemplo!).

28 março 2014

Sobre a APMO



Agora que a APMO já saiu no site, deixa eu apontar um erro comum dos alunos no problema 3. Uma ideia importante no problema é provar que, para todo primo $p$ diferente de 3, existem $a$ e $b$ distintos ${}\bmod p$ tais que $a^2+ab+b^2+1$ é múltiplo de p.

Pois é, muita gente está esquecendo do "distintos", e prova que $a^2+ab+b^2+1 \equiv 0 \pmod p$ tem solução, sem ver se de repente não houve o azar de ter uma só solução com $a \equiv b\pmod p$. Aí é necessário tirar pontos (não muitos, porque é fácil de ajeitar, mas é preciso tirar porque não é trivial, e se fosse na IMO com certeza esses pontos seriam perdidos).

Mais cuidado na hora de escrever, gente!

E só mais uma observação: sabe como sai o problema 5? COM UM BOM DESENHO. Dá para achar qual era para ser o ponto de tangência no desenho, e depois é razoavelmente fácil terminar (uma inversão, e arrastão).